Nostalgia

Ninguém vive de nostalgia, eu sei. É que eu me pego pensando, principalmente em dias como esse, nos sons e nas cores, no que foi dito e no que poderia ter sido. É uma construção de um mundo paralelo, uma outra realidade que não existe, e se não existe, é apenas imaginação, armadilha da nostalgia. Que pena, ou que bom que tenha sido assim, a gente nunca sabe. E vivemos no se fosse como se a outra rota fosse a da salvação. Na minha imaginação é. Foi assim, não foi de outro jeito. E eu já nem sem dizer se o nome disso é vontade ou se posso chamar de saudade. Vou em frente, ainda levo meu meu coração.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s